quinta-feira, 5 de maio de 2011

Corações Sem Amor...


Corações sem amor
Desiludidos pelas quedas
Que a vida traz

Corações amargurados
Que secos ja derramaram
Todo o seu pranto
Chorando por amores idos
E por amores mal vividos

Corações sem amor
Desesperançados
Por injúrias e imcompreenções,

Corações mudos
Que ja se desfizeram em soluços
E não sabem mais sonhar...

Corações sem amor
Que ja não faz diferença
Se ainda há romantismo no luar
E pra vozes o meu cantar
Um canto límpido sem pezar

Um canto de esperança
Certo que ja há bonanza
Pra quem está a esperar...

Corações sem amor
É pra vocês meu cantar
Meu cantar fino e profundo
Como o trinado da cotovia

A cotovia que anuncia o fim do inverno
E que pressagiam
O desabrochar das flores

Corações sem amor
Sem afeto,sem sonhos
Quem voz louva é também
Um coração sem amor

Mas acima de tudo
Um coração transbordante de esperança...
Corações em amor

Amem,suspirem,aguardem
Porque quem sabe
Esse meu cantar
Não desperte em ti
Um sonho
Que nos fará viver novamente...

(TSE)

Nenhum comentário:

Postar um comentário

Postar um comentário